terça-feira, 20 de março de 2012

Sete dicas para perder a barriga

Indesejada e difícil de ser eliminada, a gordura que se acumula no abdome precisa de exercícios e hábitos saudáveis para ir embora.
Nem abdominal e muito menos dietas milagrosas. Diminuir as medidas da cintura e eliminar as gorduras da barriga exigem disciplina, diferentes modalidades de atividade física, boa alimentação e hábitos saudáveis. “Praticar exercícios físicos sem o acompanhamento de uma dieta adequada exige que a atividade seja extremamente intensa, algo que poucos conseguem fazer. Por isso, emagrecer requer sempre as duas coisas”, diz Gláucia Carneiro, endocrinologista da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp).
É essencial entender que conseguir a barriga ideal requer queima de gordura e fortalecimento muscular. Portanto, fazer somente abdominais de nada adianta. Deve existir uma combinação entre as atividades aeróbicas, que são aquelas que aceleram a frequência cardíaca, como corrida e natação, com atividades de resistência, como treinos de musculação, por exemplo. Além disso, ficar longe dos maus hábitos, como comidas muito calóricas e bebidas alcoólicas, também facilita chegar nesse objetivo. Conheça sete dicas que também podem ajudar:

Só atividade física não resolve
Perder a gordura abdominal necessita de uma simples e conhecida equação matemática: consumir menos e gastar mais calorias. Para isso, os exercícios físicos devem ser aliados com uma dieta balanceada e, assim, promover esse déficit calórico. “É muito mais fácil perder gordura combinando esses dois hábitos. Só atividade física pode até eliminar a gordura abdominal, mas esse processo será muito mais lento, já que ganhar e acumular calorias é muito mais fácil do que perdê-las. Isso pode desestimular aquele que pretende perder peso”, afirma o fisiologista Turíbio Leite de Barros.

Faça exercícios aeróbicos
A gordura é queimada pelo metabolismo conforme o corpo se movimenta. As atividades aeróbicas, como corrida, caminhada, natação, dança e ciclismo, são aquelas que mais acelaram o metabolismo e, portanto, são mais eficazes para eliminar a gordura do corpo. “Porém, as pessoas precisam entender que uma atividade aeróbica queima gordura de todo o corpo, e não só da barriga, e depende de cada um a região que vai ser mais favorecida. Alguns, por exemplo, podem perder mais medidas nos braços do que no abdomem, mas isso não quer dizer que este não esteja perdendo gordura também”, explica educador físico e pesquisador da Unifesp Vladimir Bonilha Modolo.

Musculação pode ajudar, mas não sozinha
Passar os dias fazendo abdominais não faz com que a gordura da barriga seja eliminada. Esses exercícios fortalecem o músculo do abdomem, mas não são o suficiente para queimar gorduras, então, para um bom resultado, devem ser combinados com alguma atividade aeróbica. “Por outro lado, um treino de musculação mais completo pode queimar calorias, mas não tanto quanto uma corrida ou uma aula de dança, por exemplo. Para resultados mais eficazes, a atividade aeróbica não deve ser deixada de lado.

Trabalhe sua postura
Muitas vezes o problema do incômodo com a barriga pode estar associado à má postura. “Uma postura errada torna a pessoa mais baixa do que é e dá a impressão de que a barriga é maior. Quando esse problema é melhorado, ela passa a parecer mais alta e mais magra”, explica o educador físico Marcos Marques. Atividades como ioga, pilates e ginástica funcional são opções de atividades que trabalham mais a postura e o equilíbrio do que de fato a queima de calorias ou a musculação, mas que também rendem bons resultados.

Fonte: Mais Nutrição.
Postar um comentário